Leia Mais...

Cartas para uma Falsa Dama

Carol Townend
Leia Mais...

Orgulho e Preconceito

Jane Austen
Leia Mais...

Veneno / Saga Encantadas

Sarah Pinborough
Leia Mais...

Menina Má

Autor William March
Leia Mais...

O orfanato da Srta. Peregrine para crianças peculiares

Ransom Riggs

Sorteio de Halloween - Livro Espíritos & Fantasmas







Oie! Vem participar do Sorteio de Halloween no meu instagram @louise _deoliveira do livro Espíritos e Fantasmas da autora Rosa Jaques.








Se você também gosta do gênero Sobrenatural assista ao vídeo e vem participar! 








Instagram: louise_deoliveira

Clique no Link do Sorteio e Participe! Resultado no dia 31/11/17.


Beijos!


Leia Mais...

Resenha - Livro Espíritos e Fantasmas

Oie! A resenha de hoje, é sobre um livro que aborda o tema da 'Morte', mas de uma forma bem natural e que fará com que você assuma uma postura mais amena e consciente sobre essa passagem inevitável para todos os seres vivos.

Neste livro a autora aborda o antes, o momento e o depois da morte. Como vidente e telepata mostra o que acontece realmente sem defender nenhuma bandeira. Ela não está ligada a nenhuma religião e traz a sua visão clara e objetiva, mostrando a relação direta que existe entre o viver e o pós-morte.

Livro: Espíritos e Fantasmas
Autora: Rosa Maria Jaques
Páginas: 102

O livro é dividido em capítulos: A viagem, a forma, o medo, o destino, fatalidades, o filme de uma vida, o que vem depois, reencarnação, espíritos, fantasmas, pecado, religiões, a culpa, reflexões, a carta.

Sinopse:

A morte é uma oportunidade de crescimento para quem fica e para quem vai.


Traça-me como impetuosa e arrogante, mas muitas vezes quando alguém agoniza no sofrimento, chama-me, para que eu a leve e tire o tormento de seu corpo de sua alma.
Traça-me como inesperada, como sem virtudes e desclassifica-me com teus medos e tuas inseguranças, mas na verdade, o que sou? nada mais que o momento, nada mais que uma verdade contida em cada vivência, em cada situação, em cada necessidade.
Fita-me com tuas fantasias e com teu medo me transformando em um manto preto, uma foice e uma caveira. Qual arrogância maior? Minha que vem levar. Ou a de vocês que traduzem sem explicação?


"O que se vive se leva."


A energia da morte, como nos nos narra a autora, nesse livro, já faz parte de sua vida como uma companheira, que ela convive a exemplo de outras energias naturais e puras, como a energia da água, do fogo ou do ar. 

A autora Rosa Maria Jaques, também narra algumas passagens que ocorreram em sua vida, para nos dar exemplos de posturas adotadas por pessoas em momentos de medo da morte, de acordo com suas crenças ou vivências, o que acaba fazendo com que elas fiquem inseguras e iludidas com a crença de que podem controlar o dia ou a hora em que irão fazer a passagem, evitando dessa forma passar por situações de risco. Como em uma viagem de avião, por exemplo.


Ela também nos conta sobre as suas experiências como uma paranormal em fases da sua vida, que a fizeram experienciar situações inusitadas sobre a morte. 

Aborda tabus: como o aborto, o suicídio e o estado de coma.

Espíritos, fantasmas, céu, inferno, purgatório  e outras dimensões.



As minhas impressões depois dessa leitura foi a de que esse é um livro com um conteúdo informativo e que nos apresenta de forma lúcida a essência da morte. O que ela é especificamente, a sua função dentro da nossa existência. Nos faz ter uma reflexão sobre a nossa vida, a forma como nós vibramos, se positivamente ou negativamente, definindo através disso o próprio caminho até a passagem da morte. 

É um livro completo, que aborda diversos assuntos ligados a situação de vida e morte, fazendo com que o leitor compreenda perfeitamente todos os processos envolvidos nisso. 

"A morte não é uma causa e nem um efeito. É um momento".

Eu, particularmente, senti uma grande emoção ao iniciar essa leitura, por motivos pessoais relacionados ao assunto de morte, tendo que parar de ler para me recompor e entender esse processo, tão difícil para quem fica. Mas depois eu fui conseguindo focar no assunto e entendendo com muita clareza o que realmente significa essa momento, que faz parte do ciclo da vida.

Para mim, foi muito especial ter tido a oportunidade de ler sobre esse assunto, já que eu sempre desejei esse livro e não tinha noção do motivo. Eu não sabia que era sobre o tema da morte, pensava que era somente sobre o que o titulo nos apresenta: espíritos e fantasmas. E por ter passado já por algumas situações no mínimo estranhas, por assim dizer, durante algumas fases da minha vida em família, eu sempre me senti atraída por esse tema, do sobrenatural. Mas para a minha grata surpresa, o tema era mais forte e mais importante, e que eu e a minha família estávamos precisando confrontar. Eu não acredito em coincidências, mas em de alguma forma eu precisava ter essa leitura para me organizar emocionalmente e racionalmente e a minha família. 



Ler sobre a morte, não é algo atrativo para algumas pessoas, por simplesmente estas acharem que será uma leitura pesada, polêmica ou aterrorizante. Mas lhe asseguro que não é nada disso que encontrará nesse livro, e que pelo contrário, essa leitura é de uma leveza tão natural, quando a própria morte em si é descrita. E trará para o leitor uma visão mais apurada e tranquila, que o livrará do receio quanto a esse assunto. Espantará o medo, criado por fantasias e crenças, deixando na verdade um conhecimento maior sobre a melhor forma de nos aproximarmos mais do nosso interior e vivermos mais harmoniosos para passarmos pela vida de uma forma mais favorável e tranquila.

A leitura é muito fluida porque a autora vai sempre direto ao assunto, sem rodeios e com muito discernimento. A fonte é de um tamanho agradável. E a folha apesar de ser branca, também não deixa a vista cansa a vista. Apesar de ter poucas páginas, o que impressiona é justamente ter cabido dentro delas, tantas informações, nos deixando a impressão de ter lido uma enciclopédia.

Partes do livro que separei:


"Devemos nos enxergar como seres dotados de sensibilidade, razão e emoção."

-----

"Com emoções e razão equilibradas e valorizando o que sentimos, deixamos de achar para termos certeza."


Espero que possa se dar a oportunidade de ter essa leitura e tirar as suas próprias experiências. 




Além desse livro da Rosa Maria Jaques, eu também irei ler e resenhar o outro livro dela de nome Caça-fantasmas Brasileiros, onde encontramos diversos casos investigados por ela e o seu marido João Toquetto, diretor geral da série Visão Paranormal - caça fantasmas Brasil, que tem um canal do Youtube, caso queira conhecer clique nesse link.

Aguarde!


O livro Espíritos e Fantasmas se encontra á venda nesse link do site da Amazon e por um preço muito especial, vale a pena conferir.

Beijos!



Leia Mais...

UNBOXING Livro Caça Fantasmas Brasileiros

Oie!

Hoje trago mais um unboxing, só que dessa vez é de um livro do gênero Sobrenatural, mas "não é na ficção é na vida real!"


Canal Caça Fantasmas Brasil - Visão Paranormal

João Tocchetto e Rosa Maria Jaques

A dupla já contabiliza mais de seiscentos casos resolvidos e documentados. Neste livro, narram os principais deles. São histórias em manicômios, hospitais, cadeias, escolas e cemitérios, seja num casarão do bairro do Bixiga em São Paulo ou num presídio abandonado no Rio Grande do Sul.

"Sempre seguindo nosso lema: respeito ao sobrenatural, sem julgar nem afrontar."




*Resenhas aqui no blog em breve!


Beijos!

Leia Mais...

Marcadores Luah Atelier enfeitam os nossos livros!


Oie! Esses são os meus marcadores da Luah Atelier! Eles são uma fofura, literalmente, porque são confeccionados com feltros e por isso são muito macios e deixam os livros tão lindinhos!



Tem vários temas: Geek, Princesas, Unicórnios, Anime, Vestidos, HP, Halloween, Natal e muitos outros.


Se você também adora marcadores como eu, vai lá conhecer!



Beijos!


Leia Mais...

Resenha do livro Veneno - Saga Encantadas


Para os fãs de Once Upon a Time e Grimm, Veneno é a prova de que contos de fadas são para adultos!

Não existe "Felizes para sempre"!


Livro: Veneno
Saga Encantas - livro 1
Autora: Sarah Pinborough
Editora Gente - Única


Sinopse:
Você já pensou que uma rainha má tem seus motivos para agir como tal? E que princesas podem ser extremamente mimadas? E que príncipes não são encantados e reinos distantes também tem problemas reais? Então esse livro é para você! Em Veneno a autora reconta a história de Branca de Neve de maneira sarcástica, madura e sem rodeios. Todos os personagens que nos cativaram por anos estão lá, mas seriam eles tão tolos quanto apresentam? Acompanhe a história de Branca de Neve e seu embate com a Rainha, sua madrasta. Você vai entender por que nem todos são só bons ou maus e que talvez o que seria "um final feliz" pode se tornar o pior dos pesadelos!

Minha opinião:
Eu me surpreendi muito com essa história, me pegou distraída, eu não esperava que destoasse tanto dos contos de fadas infantis, apesar da premissa da sinopse. A autora realmente cumpriu o enunciado, ela brincou mesmo com o sarcasmo e o deboche e eu simplesmente adorei. Já que era para ser uma história com um teor mais adulto, que tirasse os pés do freio e foi o que ela fez. Começando pelos motivos da Rainha Má, da Branca de Neve, do Príncipe, dos Anões e de todos os personagens que aparecem em Veneno, serem os mesmos que os de qualquer pessoa da vida real. Com razões baseadas em inveja, frustrações, egoísmo, imaturidade e outros mais, são algumas das  justificativas usadas para alguns dos atos de maldades e até mesmo os de bondade. Em alguns momentos tem uma pegada Hot, mas nada que o faça ser considerado desse gênero. Eu acredito que se encaixe em Young Adult. 

Repense seus vilões!

Agora fiquei bem ansiosa para ler os outros dois livros da Saga, que são Poder e Feitiço, ainda bem que comprei o Box. Vou pesquisar outras obras da autora, porque gostei bastante da sua escrita, achei bem fluida, divertida e nada exagerada. A achei muito criativa, na verdade. 
Bom, essa foi a minha opinião sobre Veneno, da Saga Encantadas!

Um beijo!


Leia Mais...

Livro Novo! 

Orgulho e Preconceito /  Jane Austen

Sinopse:

Este romance retrata a relação entre Elizabeth Bennet (Lizzy) e Fitzwilliam Darcy na Inglaterra rural do século XVIII. Lizzy possui outas quatro irmãs, nenhuma delas casadas, o que a Sra. Bennet, mãe da Lizzy, considera um absurdo. Quando o Sr. Bingley, jovem bem sucedido, aluga uma mansão próxima da casa dos Bennet, a Sra. Bennet vê nele um possível marido para uma de suas filhas. Enquanto os Sr. Bingley é visto com bons olhos por todos, Darcy por seu jeito frio, é mal falado. Lizzy, em particular, desgosta imesamente dele, por ele ter ferido seu orgulho na primeira vez em qe se encontram. A recíproca não é verdadeira. Mesmo com uma má primeira impressão, Darcy realmente se encanta por Lizzy, sem que ela saiba do fato.


#leitura de um #clássico, não pode ser do dia para a noite! 


Jane Austen nasceu dia 16 de dezembro de 1775, em Hampshire, na Inglaterra. Filha do reverendo George Austen e de Cassandra Austen, foi a seguna mulher dentre sete irmãos. Quando completou oito anos, foi enviada a um internato para receber a educação formal. Seu contato com os livros vem do acesso a biblioteca a família, permitindo após a volta do colégio interno. Na adolescência, Austen escrevia comédias, e seu primeiro livro bem acabado foi Lady Susan, escrito em forma epistolar, quando a autora tinha dezenove anos. Em 1797. Austen, já havia escrito dois romances. Razão e sensibilidade e Orgulho e preconceito. A publicação dos títulos ocorreu, só em 1811 e 1813, respectivamente, assinados com o codinome de "uma senhora". Jane Austen também é autora de Emma, Mansfield Park e Northnger Abbey, romances nos quais buscava retratar a sociedade da época e a busca da mulher pelo melhor casamento, como única forma de ascender socialmente. Morreu em 18 de junho de 1817, aos 42 anos, vítma do mal de Addison. Deixou inacabado o romance Sandition.


Tem #vídeo de #unboxing dele no canal do Milk!





Beijos!

Leia Mais...


Oie! Livros novos! Box Encantadas!


Sinopse:

"Para os fãs de Once Upon a Time e #Grimm, a série Encantadas é a prova de que contos de fadas são para adultos!"

Em Veneno, a jovem Branca de Neve se vê em apuros quando seu pai deixa o #reino nas mãos de sua madrasta. Para não sofrer sua ira, ela parte para a #floresta em busca de ajuda de seus amigos anões. Porém, neste conto de fadas, Branca de Neve não é tão inocente, e a madrasta tem seus encantos para conseguir o que quer. 



Em #Feitiço, Cinderela encontra em uma fada madrinha o poder que precisava para conquistar seu príncipe encantado. No entanto, ele esconde um terrível segredo. Enquanto isso, sabe-se que Branca de Neve está viva e Lilith, a #madrasta, fará de tudo para trazê-la de volta, mesmo que tenha que acabar com todos ao seu redor.


Em #Poder, um príncipe mimado precisa provar que é digno da herança do trono do rei e parte para uma jornada distante onde encontra a #BelaAdormecida . 
Estará Bela disposta a se casar com um rapaz tão despreparado?

E o que será que aconteceu com #Cinderela e Branca de Neve?

Tem #vídeo de #unboxing no canal do Milk!



Beijos!




Leia Mais...

RESENHA de Julho / "Elas dão as cartas" Harlequin




Livro: Cartas para uma Falsa Dama
Autora: Carol Townend
Páginas: 273
Harlequin


Oie!  Em parceria com a Blogueira Rebeca do blog Papel Papel, esta leitura do mês de julho foi concluída de forma bem agradável. Confesso que de início, demorei um pouquinho para me conectar. 

A autora nos narra o romance do casal, condessa Francesca e conde Tristan des Iles, que enfrentam alguns dramas nesse relacionamento. Eu comecei a ficar ansiosa pelo que viria a seguir, logo após o primeiro capítulo. 

Eles mal tinham se casado e já se viram separados, pelo fato do lorde Tristan, ter que partir para defender o Ducado da Bretanha. E dessa forma não terem conseguido ter tempo suficiente para se conhecerem completamente.

Tristan acreditara que ficaria longe da esposa por apenas 3 meses no máximo, mas na verdade, ele só voltou depois de 2 anos. E apesar deles terem escrito cartas um para o outro, as mesmas nunca chegaram até eles. E esse se tornou somente um dos mistérios, que precisava ser desvendado quando se reencontrassem.

A falta de comunicação seria o estopim para o difícil reinício desse casamento. Francesa, manteve sempre a esperança de que o marido ainda a amava e que a tinha sido fiel, mas quando ela se lembava de que ele, era um homem distante e de personalidade fechada, ela acaba por duvidar de que estaria certa.

Ele ao mesmo tempo, também tinha dúvidas quanto ao amor dela por ele, pelo mesmo fato da falta de ligação maior entre eles, no início do relacionamento. E por ela ser ainda tão jovem, quando ele partiu.

E é quando se reencontram que a história desses dois começa a ganhar vida e a trazer o leitor para dentro do livro. Foi o que me aconteceu. 

Por que além da separação involuntária deles e do sumiço das cartas, Francesca, antes mesmo da volta de seu marido, ficou sabendo que não era condessa de verdade, pois a verdadeira filha do seu então amoroso pai, era Lady Clare e não ela, como a fizeram acreditar. E mesmo, o seu pai, nada sabia também sobre esse fato, o que o deixou preocupado. A moça a aceitou como irmã de qualquer forma, mas Francesca, apesar de ficar grata por isso, se sentia inferior agora e resolveu ir embora para o Condado de Champanhe. Lá, ela passa os dias entristecida por esse acontecimento e agora também por achar que o seu saudoso marido a rejeitaria por não ter mais um dote, desfazendo o casamento. 

Ela tinha como companhia a sua ama, Mary, que insistia por fazê-la acreditar cada dia mais que o conde Tristan, na verdade, nunca voltaria e que nunca a amara. Com isso, ela acabou por convencer, Francesca a ir a um baile de máscaras para se distrair e até mesmo tentar aceitar, que ela agora precisava de um novo casamento. Mas o que ela não esperava é que,  se veria em apuros, quando um homem desconhecido de nome Joakim Kerjean, a assediaria forçadamente.

Francesca, na verdade não era uma mulher frágil e tenta se desvencilhar dele o golpeando, mas falha. Tristan em cena, pois ao chegar de viagem ele fica sabendo imediatamente de tudo a respeito da não nobreza de Francesca, e não hesita em ir vê-la, ao mesmo tempo que leva a triste notícia de que o pai dela de criação agora se encontra doente e que já desenganado deseja que ela retorne para perto dele.

Lorde Tristan, ao contrário do que Francesca imagina, não se importou em nenhum momento com o fato dela agora ser uma falsa dama, pois os sentimentos dele por ela nunca dependeu de quem ela fosse. E é nesse reencontro que o resgate desse relacionamento se põe a prova por várias vezes, a começar, com ele tendo que defendê-la de Kerjean e a desconfiança da verdadeira intenção dele a respeito de Francesca.

Esses acontecimentos dão início a história desse casal e faz com que cada página tenha uma nova tentativa de reaproximação entre ambos. Eles tem pela frente uma longa viagem de volta, juntos e ao mesmo separados pelo tempo, carregando muitas dúvidas e assuntos a serem esclarecidos.

Mas entre eles, a atração física se constata intacta, pois logo se mostra que não foi diluída, com a distância. E nessa volta para a despedida de seu pai, Francesca ainda não tem ideia, do que mais ainda estar por vir a respeito do passado de Tristan, antes de se casarem.

Minha opinião:

Bom, eu leio sempre um livro observando com muito cuidado todo o enredo e o contexto em si. Se tudo se conecta perfeitamente até o final. E posso dizer que essa história tem um início, um meio e um fim convincentes. 
Perto do fim eu não conseguia ainda imaginar como terminaria, mesmo já tendo muita coisa sido resolvida entre eles, mas ainda sem nenhuma pista de que eles de fato teriam uma solução ou não para esse resgate sentimental. Então eu achei esse um fator positivo, para nós leitores que gostamos de nos surpreender sempre. 
E gostei de como terminou, concordei com a maneira que tudo foi conduzido, achei de acordo e só fortaleceu a postura da mulher forte, decidida e de personalidade que era lady Francesca

Então a proposta da Harlequim de que em seus romances as mulheres dão as cartas, é totalmente verdadeira.



É um romance histórico porque nos remete a um momento bem distante do nosso atual e nos brinda com a narrativas de imagens belíssimas e seus condados com imensas muralhas e castelos medievais com suas leis, figurinos, normas e posturas.
A autora Carol Townend, nos deixa sabendo como os personagens pensam durante todo a história, o que nos faz entender bem como é a personalidade de cada deles, seus anseios e aflições. E isso é muito bom. Os capítulos não são curtos, o que nos facilita ler um pouco de cada vez se desejarmos e já se 

"Uma história recheado de sentimentos, que acalenta o coração de quem é romântico e cativa o de quem não é."


Não deixe de conhecer esse lançamento da Harquelin em seu facebok clicando aqui. Ou direto no site da Amazon clicando aqui e em todas as livrarias.

Um beijo!


Leia Mais...



Oie! O Milk acaba de fazer uma parceria muito fofa com a Luah Atelier

Olha só esse marcador da Frida. É muito lindinho! Eu amei! Quem não ama artesanato não é?

Marcador + Livros = Amor!




E esse então da Merida, olha que amorzinho!





Eles produzem diversos marcadores para todos os gostos. Tem até do Harry Potter e princesas da Disney. E são super úteis para nós leitores, que adoramos marcar as páginas que paramos de ler, de uma forma bem estilosa, não é? 

Vai lá conhecer, você também vai adorar! Para ir para o Instagam basta clicar aqui ou para o Facebook clique aqui.

Bjs! ; *


Leia Mais...

Melhorias no canal do Milk! Investir é preciso!





Oie! Comprei um mini microfone estério da Sony para o Canal do Milk




Essa é a segunda aquisição que fiz para o canal, a primeira foi um mini tripé. Ainda é tudo bem básico, mas pretendo ir melhorando de acordo com o crescimento do canal, porque investir na melhoria de áudio, imagem, iluminação etc é importante, para usufruirmos de um melhor o conteúdo e também, porque fica mais Kawaii! 😍

*Comprei no Mercado livre e custou 95 reais mais o frete Expresso de 11,90 para o Rio de Janeiro.




No próximo vídeo do canal, já estarei utilizando ele e espero que a qualidade do som melhore muito!💓

Assista ao vídeo de unboxing para conhecer essa fofura rs








Leia Mais...

É Halloween no Milk! Doces ou travessuras?...


RESENHA 
Demonologista de Andrew Pyper
Editora DarkSide Books


A história começa nos apresentando David Ullman, um professor de inglês na Universidade de Columbia em Manhattan, EUA. Ele é um especialista em demonologia e narrativa religiosa judaico-cristã. Mas diz que o seu verdadeiro ganha pão é o texto cujo estudo crítico, é "Paraíso Perdido", de John Milton. Que cita anjos caídos, a tentação da serpente, Adão e Eva, pecado original. Um poema épico do século XVII que reconta eventos bíblicos.

Mas David se auto intitula como um Ateu estudioso da Bíblia. Um especialista em demônios, que acredita que o mal é uma invenção humana. Ele diz ter passado a sua carreira dando aulas sobre coisas nas quais ele não acredita.

"A mente é onde eles habitam, e nela podemos fazer do próprio inferno um paraíso, do paraíso um inferno." (John Milton)

David é casado mas não convive bem com a esposa Diane a tempos, mas não se importa muito com isso, por considerar o seu bem mais precioso na vida, ser a sua amada filha, Tess. Principalmente por ter descoberto que a sua mulher, a um ano jogou os seus votos matrimoniais pela janela, com Will Junger, um cara que como David mesmo diz, é um idiota, presunçoso da Física, afetado adepto da Teoria das Cordas



David mantém um relacionamento muito especial com Elaine O'Brien, que é uma professora no Departamento de Psicologia. Mas nada demais, acontece entre eles. Na verdade eles tem uma amizade assexuada e compartilham drinques no final de expediente.



E em um dia esquisito, ele recebe uma visita em seu escritório de uma mulher, que ele mais tarde apelida, de "mulher magra", que lhe diz estar trazendo um convite para ele, que não precisa de respostas. David, mesmo assim, a principio o recusa, indagando o por que de ter que ser ele, já que há muitos outros professores de inglês, por aí. E a mulher responde que há poucos demonologistas. Mesmo ele não se considerando assim. O que ela refuta com um sorriso irônico.

Ao passar dos dias, em um momento de tensão entre ele e a sua esposa, ele se deixa levar pelo impulso de usar aquela viagem do convite estranho, para tirar a filha daquele clima de brigas e uma forma de passar dias mais felizes ao lado dela. E eles embarcam para a cidade de Veneza, na Itália.

Dentro do avião, ele se depara com um homem, que de início ele o acha um pessoa comum, mas que ao lhe deixar claro seu ponto de vista sobre Veneza, David fica meio ressabiado e apreensivo quando a segurança de sua filha.


"Tudo em Veneza é roubado. As pedras, as relíquias, os ícones, as cruzes de ouro em todas as igrejas. Tudo isso vem de outros lugares. Porque não há nada lá. Nenhuma floresta, nenhuma pedreira, nenhuma fazenda. É uma cidade que afronta Deus, construída sobre o orgulho dos homens. E ainda em cima da água! Poderia tal ato de magia agradar ao Pai celestial?" Essa observação pareceu o excitar. 


Ao chegarem ao hotel, David se encanta com a alegria de Tess, e o seu deslumbramento com a beleza daquela cidade. 

E quando o dia marcado no convite chega, ele se dirige ao local indicado. Verificando depois, ficar bem distante de tudo e em uma casa bem discreta. Ele é  recebido por um senhor que já sabia o seu nome e não tinha nenhum senso de humor. E o que o professor esta prestes a presenciar é algo que ele nunca esperou vivenciar um dia e que realmente pudesse ser real. E tudo o que ocorre com ele naquela situação, o deixa apavorado e o joga na jornada mais dolorosa possível que um pai poderia passar, o de ter que encontrar a sua querida filha, desaparecida. Sim, Tess, de uma forma inacreditável se ausenta de sua vida.


"A tristeza tem uma cor. É turquesa."






Sua consciência passa a não deixá-lo mais em paz, contestando os seus princípios, suas crenças, descrenças e tudo o que ele já experienciou até aqui através do seu trabalho como demonologista.

Toda a descoberta sobre a existência de um sobrenatural, que David até então desdenhava é um dos principais motivos de tudo isso ter acontecido em sua vida.

Durante toda essa história, ele narra passagens bíblicas e o poema de Milton, "Paraíso Perdido". O leitor passa a conhecer diversas partes desse poema e do significado a respeito de céu e inferno.


David passa seus dias indo atras de pistas e sinais de onde Tess possa estar, ao mesmo tempo, que ele lida com a segunda infelicidade em sua vida, que é a descoberta de que a sua amiga Elaine, está com câncer. Mas mesmo assim, ela não o deixa na mão e o ajuda até quando pode a ir nessa busca por sua filha.

E entre hotéis e lanchonetes de beira de estrada, eles viajam de carro fugindo de um perseguidor. E a busca por Tess, é o combustível que mantém a sanidade de David ainda intacta.

No desfecho dessa história, muitos leitores podem ter tido a sensação de que o final fica em aberto. Mas ao meu ver, acho que David consegue encaixar a última peça desse macabro quebra-cabeças, com uma ajudinha celestial


O livro Demonologista, tem toda uma pegada literária ligada à filosofia. A escrita do autor Andrew Pyper, na minha opinião, é de um rico vocabulário, não usual no dia a dia e por isso mesmo de difícil entendimento se a leitura não for de uma forma bem atenta. Cada detalhe dentro dessa narrativa é importante para todo o contexto da história contada por ele.

*Por eu amar literatura, clássica, grega, filosofia e por aí vai, para mim, foi bem satisfatória essa leitura. Por que li respeitando cada capítulo. Sendo uma amante das palavras eu recomendo o Demonologista, para pessoas que tenham a mente aberta para que a sua crítica interna, não atrapalhe o seu entretenimento.

Eu senti medo? Sim, porque a carteirinha de cagona, anda comigo. Mas não é nada de tão assustador que não nos deixe dormir a noite.

Cof, cof! Mais ou menos!

Na minha visão de leitora, os livros da editora DarkSide, tem edições maravilhosas, com conteúdos riquíssimos. Mas para quem realmente gosta de ler. Ama ler. Ama letras. Ama literatura. E ter a oportunidade de absorver todo o seu conteúdo.

Bom, esse foi o meu ponto de vista, sobre essa leitura de Halloween. 

Buuu!!! rs

*Assita ao vídeo dessa resenha no Canal do Milk! Se ainda não segue dá uma passadinha por lá para conhecer e já se inscreve para conhecer mais livros. 




Um beijo, obrigada por sua visita e tchau! ; )


Leia Mais...

Redes Sociais

Twitter Facebook Google Plus RSS Feed Email Pinterest

Milk no Google +

Milk no YouTube

Siga o Milk!

Milk no Instagram!

Milk no Facebook!

Seguindo o Milk!

Milk no Twitter!

Postagem em destaque

Pesquisa de Público

Olá!  Responda nossa pesquisa de público. Quero te conhecer! É rápido e fácil! Obrigada!  Beijinhos!  Lu ; ) Loadin...

Total de visualizações de página

Minha estante no Skoob

Copyright © Milk Shake de Palavras da Lu | Powered by Blogger
Design by Lizard Themes | Blogger Theme by Lasantha - PremiumBloggerTemplates.com